sábado, 17 de dezembro de 2011



Por que tantos barcos? De todos os tipos e tamanhos. Muitas canoas, pessoas remando.  És porto seguro? És um porto que no momento está frágil? Queres zarpar? Gostarias de ir? Ir para algum lugar, ou ir, ir sentindo a brisa do vento no rosto sem destino? Tens muitos pensamentos e sentimentos? O que os barcos significam neste momento da tua vida? Ah, por que tantas embarcações? E eu, sempre com muitas perguntas. Sorrio.

Gosto de observar os barcos. Gosto das imagens criadas e que na minha mente acham lembranças. Gosto das interrogações. Sorrio.




Todas as fotos foram momentos vividos no estado do Espírito Santo - 09

7 comentários:

isa disse...

Celebrar o Natal é crer na força do Amor, da Fé!
Dá-nos ânimo para Sorrir e ter Esperança!
Feliz Natal!

ALUISIO CAVALCANTE JR disse...

Querida e preciosa amiga Paula

Hoje minha visita é para agradecer
o presente que é para mim
a sua amizade,
e também desejar
um maravilhoso Natal,
onde possas encontrar nestes dias
ainda mais inspiração
para a alegria de ser feliz,
e para o milagre de fazer
quem passa por tua vida feliz.

Que o teu olhar seja a mais perfeita
luz do Natal a enfeitar o mundo.

Aníbal Raposo disse...

Lindas imagens.
Que tenha um Santo Natal.
Bjs

mfc disse...

Os barcos foram feitos para se viajar, se pescar, se transportar... não foram feitos para estarem aportados!
Longe é que eles cumprem a sua missão.

Antonio Carlos disse...

Os barcos sem direção, sem voz, apenas mandados. Abraços, Paula.

Antonio Carlos

. intemporal . disse...

.

.

. um Santo e feliz Natal .

.

.

. um abraço .

.

.

:.tossan® disse...

Gostei muito da quinta foto. Me lembra os velhos tempos de aventuras no mar. Beijo