domingo, 29 de abril de 2012






Lua brinca comigo.
 Me balança.
 Me faz sorrir. 
Lua, é só por esta noite.
 E assim passarei o dia amanhã enluarada.
 Aluada. 
Vem, lua, brinca comigo. 
Preciso de poesia.
 Preciso do sol que guardas em ti.


foto: Internet

11 comentários:

mfc disse...

Todos precisamos de Poesia e tu trouxeste-a de uma forma linda até nós!
Um beijo muito grande, Paula.

A. disse...

bem vinda, de regresso, ao Luar da blogosfera!... Balance e aproveite esse Sol que procura!...



Abraço

Rui Pires - Olhar d'Ouro disse...

Maravilhoso!
bj

Francisco Coimbra disse...

Guarda, apenas reflete? Faz viajar...
;)

BRANCAMAR disse...

PAula,

Um belo sonho ao luar e o bom que é termos sempre em nós uma alma de criança.

A imagem é tão linda e fofinha!

Está a chegar a hora de voltares, :)

Beijinhos

O Sibarita disse...

É isso, a lua, sempre ela...kkkk

Ao certo adoro a lua, e uma lua cheia nos leva ao delírio, é ou não é? kkkkkkkkkkk

Fia, que bom sua volta e essa poesia leve gostosa de se ler faz sereno na minha cabeça, oi que bom! kkkkkk

O Sibarita

Evanir disse...

A amizade é a doce canção da vida é a poesia da eternidade.
O Amigo é a outra metade da gente.
O lado claro e melhor.
Sempre que encontramos um amigo, encontramos um pouco mais de nós mesmos.
O Amigo revela, desvenda, conforta.
É uma porta sempre aberta em qualquer situação.
Um lindo e abençoado final de semana .
Um Domingo na paz e na luz..
Beijos no coração com carinho.
Evanir..

Benno disse...

Não é que eu precise da Lua
Ela é um pouco de mim
Grande como uma melancia
Pequena no horizonte
Ela é melancolia
ela é melanco ... Lua,
Eu tenho ela
Ela tem a mim
Mas ela já havia
Quando eu ainda nem existia

O Sibarita disse...

Ei, dona moça! kkkk Sumiu de novo, foi? kkkkkkkkkkkkkk

Poste, viu? A lua não deu inspiração ainda? Não acredito!kkkk

O Sibarita

Eurico disse...

Deixo-te um abraçamigo.
Ando meio sumido, mas a saúde vai bem. É só uma fase...


Abç fraterno.

Lua Nova disse...

Taõ lindo!
"Preciso do sol que guardas em ti..."
Beijokas.