quinta-feira, 17 de abril de 2008

Recife, 17 de abril de 2008
#
#
#
As vezes nos encontramos numa encruzilhada

Encruzilhada de sentimentos

Sentimentos contraditórios

Contraditórios de nós mesmos

Mesmo entendendo os sentimentos

Os sentimentos nos perturbam

Perturbam o nossos sentir

Sentir a nós

A nós e a vida
#
#
#
#

5 comentários:

sergio disse...

Quando chegares numa encruzilhada, tenha serenidade para ouvir o que o seu coração diz! ele é a sua luz! ab e bj amiga

MONICAVOX disse...

querida ,vim conhecer seu outro blog e tenho outra surpresa maravilhosa!voce é super talentosa no quesito "poesia".sabe com maestria passar seus sentimentos e retratar as angústias e dúvidas nos seus poemas.
Fiquei muito feliz de vir aqui.pretendo comentá-lo sempre!
que seu fim de semana seja maravilhosos e cheio de luz!!!

walk on forever,monicavox

Edson Marques disse...

Vim te ver também aqui.
Deliciosamente.


Adoro encruzilhadas.
Quando encontro uma vou por ela!

Abraços, flores, estrelas..


(Não foi erro, não: eu quis dizer "vou por ela", mesmo!).

Adri /Dri /Drika disse...

É verdade, mas é so dar tempo ao tempo que tudo se ajeita ;)

Marcelo Martins disse...

Todos somos caixas cheias de contradição.
E temos que lutar com isso (ou contra isso) por toda a nossa vida.
Queremos isso e aquilo da mesma forma.
Odiamos e amamos a mesma coisa.
Queremos partir e ficar.
Somos seres divididos entre ser, querer,dor e prazer.

Beijinhos