segunda-feira, 26 de maio de 2008


Aracajú - foto Paula Barros
Jogue no lixo
O que não lhe serve
Sentimentos
Pensamentos
Pessoas
(simbolicamente claro)
Se algo está lhe incomodando
Deixando você em conflito
Chorando, mais que sorrindo
Mais angustiado que em paz
Dê-lhe destino
Siga o seu destino
Pegue a sua vida
Em suas mãos
Abrace-a, beije-a
Ame-se
Viva
(26.05.08 - 22h30)

6 comentários:

Edson Marques disse...

Bela idéia!


Dia desses farei uma homenagem ao lixeiro.

Poeticamente!


Abraços, flores, estrelas..

sergio disse...

Realmente Paula, jogue no lixo pensamentos que não te acrescentarão em nada. Guarde junto a ti, pensamentos e momentos que possam te conduzir à extrema felicidade.. bj

Adri /Dri /Drika disse...

Oiii Paulinha tenho feito isso mesmo com meus sentimentos o que não me serve estou jogando no lixo... Obrigada pelo seu carinho comigo e com o Desabafo... Grande BJU ;)

Marcelo Martins disse...

Entendo o que quer dizer...
Realmente devemos jogar fora o que não nos serve.
O que apenas atrapalha e nos causa dor e sofrimento.
Mas como fazer isso?!
A teoria é ótima, a prática é cruel...

Beijinhos

O Sibarita disse...

Que conselho, em fia? kkkkk

Paula, tá certo seu texto, tudo que nos incomoda, que nos impede de ser feliz joguemos no lixo...

bjs
O Sibarita

myra disse...

o lixo serve para jogar fora o que nao gostamos, parabens pelas tuas fotos e tudo!
myra