segunda-feira, 29 de março de 2010


Nas pedras brotou flores
E num coração petrificado
De dores e desilusão
Há de florir o amor?


3 comentários:

Memória de Elefante disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Memória de Elefante disse...

Paula!

Há um fascínio e encanto nesta foto!
Cada vez mais chego a conclusão que este blog está virando ponto de referência para arte em fotografia e filosofia.

Não existe um instinto como o do coração.
O Amor é o princípio de tudo e é capaz de realizar milagres.


Um beijo

Paulo Francisco disse...

Pois é... concordo com o Memória de Elefante. As fotos são lindas e os textos mais ainda.